Total de visualizações de página

domingo, 7 de agosto de 2011

Final

Na reta final do primeiro turno a pesquisa IBOPE indicava o Governador reeleito já no primeiro turno. Pesquisa encomendada pela afiliada da rede Globo. Guarde esta informação ela será importante no futuro. No mesmo ensejo, outro instituto de pesquisa, o Proconsult, contratado pelo Sistema Correio, indicava vitória por ampla vantagem também do Governador.

No dia da eleição, todos na redação trabalharam. eu fiquei no meu horário normal, coincidentemente o horário da apuração. Quando cheguei, a redação estava cheia. Todos apreensivos. Aquele meu chefe suava e não parava de descer para a portaria para fumar.

O apresentador do Correio Debate balançava cabeça negativamente. Os telefones não paravam de tocar e a voz do outro lado sempre parecia de alguém importante, sempre perguntando por ele, o chefe. E ele sempre dizia coisas como 'parece que vamos perder' e suas variações.

O motivo do receio foi que as urnas não deram a resposta das pesquisas. na verdade, quase que o Prefeito vence já no primeiro turno. Já na segunda o clima era diferente. Ainda antes do segundo turno, um alto executivo do Sistema Correio foi agraciado com uma pasta dentro da prefeitura. Além disso, a relação do Prefeito com o Sistema Paraíba estava arranhado depois que a tal pesquisa IBOPE colocava o Governador como vencedor no primeiro turno.

Nada disso impediu que durante o segundo turno, no debate da Tv Correio, a torcida dos eleitores do Prefeito gritasse 'ão, ão, ão, Sistema...’ finalizando com o nome do Governador. Fazendo alusão a elação mais que íntima. O que aquelas pessoas não sabiam é que uma enorme mudança já estava em curso. Um giro que completaria 180 graus ao final das eleições já estava sendo dado.

Algumas alterações de impacto aconteceram. O apresentador do programa da manhã foi imposto. Não por acaso ele é hoje o nome forte do jornalismo da empresa. É o coordenador do radiojornalismo e em parceria com alguns outros caciques do Sistema Correio, lançou uma revista sobre política.

O tal apresentador é intimamente ligado ao maior aliado do Ex-prefeito, agora Governador. Trata-se do Senador eleito, cassado pela Lei Ficha Limpa e recolocado no senado pelo Supremo Tribunal Federal.

Um dos colunistas do jornal impresso e também comentarista político da rádio pediu demissão. Foi substituído nas duas funções por outro personagem próximo ao novo Governador, antigo Prefeito. Por outro lado, os antigos governistas foram todos varridos do Sistema Correio. Além do colunista já citado, um dos apresentadores do Correio Debate, o antigo diretor da rádioe meu antigo chefe de redação migraram todos para o Sistema Paraíba.


FIM

4 comentários:

Nilson "Accioly" disse...

É, nada como ver a coisa de dentro do sistema. literalmente!

Nilson "Accioly" disse...

ps.: Débora

Anderson Santos disse...

Bem legal expor essas coisas, apesar que alguns detalhes você já havia postado no ano passado, ou não?

Você continua trabalhando no Sistema Correio?

Anônimo disse...

No Brasil dezenas de milhares de negros e simpaizantes protestam Movimentos Negros Brasileiros fizeram protestos de desagrado contra famoso cantor e sambista Martinho da Vila, Escola de Samba Unidos de Vila Isabel que neste carnaval de 2012, no enredo “Você Semba Lá… Que Eu Sambo Cá. do povo brasileiro) que nos versos O Canto Livre de Angola!”. Com uma exaltação maravilhosa a ANGOLA a pátria mãe da maioria (54% tem sangue africano-angolano em nossas aveias. Samba Enredo da Vila Isabel(O para Presidente Wilson Vieira Alves a carnavalesca Rosa Magalhães e principalmente o Presidente de Honra: Martinho José Ferreira o “Martinho da Vila” que se negaram a ouvir e atender as reclamações dos milhares de e-mails, cartas e ligações telefônicas e celulares para sensibilizar esses dirigentes. que seria um desprestígio para comunidade negra feminina serem excluídas as frente da bateria da Vila Isabel colocando uma rainha nipo-brasileira (japonesa) e uma musa loira, com respeito a elas, mas porque não por uma negra também e por coerência ao enredo exaltava a raça negra e negritude cultural África Angola Brasil. Apesar de todos esforços não foram suficientes par conscientizar estes dirigentes é lamentável que as crianças a juventude a mulher afro brasileira sofram estes preconceitos excluídas marginalizadas , humilhadas por aqueles que dizem ser defensores e nossos ídolos. Martinho da Vila é uma vergonha e covardia, muito obrigado pelo desserviço ao resgate e valorização da raça negra.Rei Martinho Ganga Zumba da Vila? Mariana Benedita dos Santos,Negra Bene. mariana.jornalista@bol.com.br